Volta do sarampo preocupa gestão de Salvador, que convoca pessoas a se vacinar

O município de Salvador começou, no início do mês, a uma campanha de imunização contra o sarampo. Simultânea à aplicação da vacina contra a gripe e da Covid-19,a estratégia coincide também com a chegada do novo secretário da pasta, Décio Martins, que substitui desde o dia 30 de março o deputado Leonardo Prates (PDT). Embora tenha sido considerada erradicado nas Américas, o sarampo voltou a ser identificado entre a população. Entre os soteropolitanos, o número chegou a 2 casos. Martins não chegou a ser uma novidade à frente da Saúde. Citado como um dos quatro preferíveis de Prates, ele já atuava como subsecretário e tem uma trajetória por outros órgãos da gestão desde os governos de ACM Neto (UB). Ao Bahia Notícias, ele revelou que a experiência no enfrentamento da pandemia e com o Sistema Único de Saúde (SUS) fortaleceu sua nomeação. Assuntos como a volta do sarampo, o atendimento das “sequelas da pandemia” e a atenção à saúde mental pelas unidades municipais foram outros temas da entrevista de Martins ao Bahia Notícias, concedida no último dia 6 de abril. Na oportunidade, um dia após a flexibilização de máscaras na Bahia, ele ainda comentou sobre o avanço da vacinação e testes nas escolas da rede pública. “Além disso, estou discutindo com o secretário Marcelo Oliveira a possibilidade de também realizarmos testes nas escolas. Então é isso, a pessoa que tá com síndrome gripal pode testar nas nossas unidades e temos interesse em realizar nas escolas para verificar a contaminação das crianças”, disse. Confira a entrevista completa aqui.Bahia Noticias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.