TSE aprova fusão entre Democratas e PSL

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou nesta terça-feira (08/02) a criação do União Brasil, que resulta da fusão entre Democratas e PSL. O deputado estadual Sandro Régis (Democratas), líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), comemorou a decisão e disse que a nova legenda vai conduzir a Bahia de volta ao caminho do desenvolvimento, sob a liderança do pré-candidato a governador ACM Neto.

“Nasceu o partido que vai recolocar a Bahia nos trilhos do desenvolvimento após os 16 anos de desgovernos do PT em nosso estado. O povo da Bahia não aguenta mais tanta violência, não aguenta mais ver nosso estado ano após ano na liderança do ranking de homicídios. Ninguém aguenta mais ver seus filhos abandonados pelo Estado, que deixa a educação da Bahia nas últimas posições e nas primeiras em desemprego. Nosso partido vai apresentar ao povo baiano um projeto para mudar esse cenário tenebroso”, disse.

Segundo Régis, o partido não será apenas o maior do país, mas também um dos maiores da Bahia. “O União Brasil terá uma das maiores bancadas baianas na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa. É um partido que nasce com um programa claro, sintonizado com os interesses do povo brasileiro”, frisou.

Para o líder da oposição, o modelo de gestão do União Brasil é o que a Bahia precisa para resolver os graves problemas do estado, principalmente na educação e segurança. “Nosso partido tem quadros que se destacam na gestão, como o próprio ACM Neto, oito vezes consecutivas eleito melhor prefeito do Brasil. Nós buscamos excelência na gestão, e vamos transformar a Bahia a partir de 2023, levando nosso estado de volta à liderança no Nordeste e no país”, destacou. Informe Baiano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.