Policial militar dá tapa na cara de motorista durante blitz do Detran

Foto: Reprodução Redes Sociais

Mulher do motorista fez um vídeo da abordagem e o caso foi registrado como abuso de autoridade.

Uma mulher gravou um vídeo (veja ao final da matéria) do momento em que seu marido é agredido com um tapa no rosto por um policial militar durante uma blitz do Detran. Em seguida, ele ainda é detido por “desacato a autoridade”.

A mulher, que pediu para não ser identificada, denunciou o caso à TV Aratu. Graças ao vídeo, o caso não foi registrado como desacato e sim como abuso de autoridade, depois de a delegada assistir as imagens.

A mulher conta que o veículo foi parado na blitz e estava com o retrovisor quebrado depois de se envolver em um acidente com um motociclista. Além disso, o IPVA também estava atrasado. Ela disse que a agressão ocorreu depois que o marido falou que iria pagar o IPVA,  consertar o veículo e destacar que era pai de família e trabalhar na Justiça Federal. No entanto, um capitão teria se irritado e desferido o tapa no rosto do motorista.

Depois o homem ainda foi imobilizado, mesmo sob os apelos da mulher dizendo que ele era pai de família e trabalhador. A filha do casal, uma criança, presenciou as cenas. “Acho que nem marginais eles tratam assim como trataram a gente. Para mim, é horrível. A gente nunca passou por isso, pra minha filha passar por isso. Ela chegou em casa falando ‘meu pai foi agredido por policiais’, chorando”, contou a mulher.

O carro foi apreendido na blitz e o casal ainda não sabe onde o veículo está. O Metro1 entrou em contato com a PM, mas até a publicação desta matéria ainda não havia obtido retorno. Metro 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.