Justiça suspende flexibilização de isolamento no Rio de Janeiro


A7ª Vara federal do Rio de Janeiro decidiu suspender os decretos que relaxavam o isolamento social no estado e município do Rio de Janeiro. A decisão é do juiz Bruno Bodart e foi divulgada nesta segunda-feira (8). O magistrado determinou ainda que seja  realizada uma audiência no dia 10 de junho entre o Ministério Público do estado, o governo e a prefeitura para que sejam discutidas reavaliações de flexibilização de medidas. 

A Defensoria Pública e do Ministério Público do Rio entrou com uma ação após a implementação da primera fase do plano de reabertura da cidade do Rio e do decreto de Wilson Witzel autorizou a volta de shopings, comércio, entre outras atividades.

A ação pede que as medidas sejam suspensas imediatamente e estabelece o prazo de sete dias para que o Executivo apresente em juízo estudo técnico baseado em evidências científicas e em análises sobre as informações estratégicas em saúde, vigilância sanitária, mobilidade urbana, segurança pública e assistência social, que justifique a flexibilização do isolamento social. Bocão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *