Bahia registra segundo caso de varíola dos macacos; infectado fez viagem internacional

Os centros de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) de Salvador e o da Bahia registraram, nesta quinta-feira (14), o segundo caso de varíola dos macacos do estado. De acordo com informações da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab), o infectado mora na capital baiana, mas tem histórico de viagem internacional. O primeiro caso na Bahia foi confirmado na quarta-feira (13). O outro registro suspeito foi descartado e mais quatro notificações de residentes em Salvador estão sendo investigadas pelos órgãos sanitários do estado. As medidas sanitárias de monitoramento das pessoas mais próximas dos infectados, bem como o isolamento deles, foram adotadas. Segundo a Sesab, a varíola dos macacos é uma zoonose viral que se assemelha à varíola humana, erradicada em 1980. A doença costuma provocar febre, dor de cabeça, erupções cutâneas, dores musculares, dores nas costas, adenomegalia, calafrios e exaustão.Bahia Noticias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.