Bahia perde para o Novorizontino e conhece sua 3ª derrota consecutiva na Fonte Nova

O Bahia conheceu sua terceira derrota consecutiva na Arena Fonte Nova. Na tarde deste sábado (25), o Tricolor perdeu para o Novorizontino por 1 a 0, na tarde deste sábado (25), pela 14ª rodada da Série B. O gol foi marcado por Diego Torres, nos minutos finais da partida. Com o resultado, o Tricolor segue na terceira colocação da tabela de classificação com 25 pontos, cinco a mais do que o Sport, que é o quinto e está fora do G-4. Já o Tigre somou 17 subiu para a 10ª posição. O Bahia volta ao gramado na próxima terça-feira (28), às 19h, para encarar o Brusque-SC, no Augusto Bauer, pela 15ª rodada da Segundona. O JOGO O dono da casa era o Bahia, mas o visitante Novorizontino foi quem partiu para cima. O primeiro chute foi da equipe paulista com Danielzinho arriscando de fora da área, mas Danilo Fernandes fez a defesa sem problemas. Na cobrança de escanteio do Tigre, a bola sobrou com Davó que disparou no contra-ataque aos cinco minutos. Mas o atacante foi fominha e não tocou para Jacaré, que acompanhou a jogada e estava livre do outro lado. Ele insistiu na jogada individual e acabou sendo desarmado pelo goleiro Lucas Frigeri. Três minutos depois, o Tricolor chegou bem na esquerda com Mugni, que rolou para Rodallega na marca do pênalti. O colombiano dominou, mas foi desarmado por Romário na hora da finalização. Aos 12, o Tricolor criou outra boa chance. Na entrada da área pelo lado esquerdo, Daniel inverteu para Borel. O lateral dominou e bateu cruzado para a defesa de Lucas Frigeri. Dois minutos depois, Jacaré cruzou rasteiro para área, mas ninguém aproveitou. Aos 14, Mugni fez uma jogada plástica ao dar um chapéu no marcador e bater para o gol, mas o arqueiro adversário encaixou sem dificuldades. O Novorizontino só voltou a chegar no ataque aos 22 minutos. Douglas Baggio chutou de fora da área nos braços Danilo Fernandes, que estava bem colocado. A resposta do Tricolor veio três minutos depois na boa trama construída de em pé. Davó deu um belo passe de letra para Daniel chegar batendo na área, mas ela desviou na marcação. Aos 31, Douglas Borel e Douglas Baggio bateram cabeça numa disputa aérea. Os dois caíram no gramado e receberam atendimento médico. O rosto do atacante do time paulista ficou inchado. Mas tudo bem com a dupla e o jogo recomeça. Com a bola rolando, o Tricolor quase marcou o primeiro. Jogada pela direita, Davó faz o cruzamento, Rodallega desvia de cabeça para o meio, a bola atravessa a pequena área, mas Jacaré chega atrasado e não consegue completar para o gol. O Novorizontino balançou as redes aos 44 minutos com Ronaldo. Ele recebeu nas costas de Luiz Otávio e saiu de cara com Danilo Fernandes, tocando de cobertura para faz um lindo gol. Mas a arbitragem assinalou impedimento do atacante do Tigre na jogada e anulou o tento. O VAR demorou dois minutos confirmar a posição irregular do atleta no lance. Segundo tempo O Bahia voltou com uma substituição. O amarelado Douglas Borel sentiu tonturas no vestiário e deu lugar a André. Já o Novorizontino seguiu com a mesma formação da etapa inicial. O Bahia chegou a criar duas oportunidades até os sete minutos, mas em ambas não conseguiu a finalização. Porém, aos oito, Mugni levantou a bola na área numa cobrança de falta, mas Rodallega pegou mal na bola e a marcação afastou o perigo. Aos 18 minutos, o Bahia pediu pênalti numa jogada aérea após cobrança de falta. Porém, a bola bateu no pé do marcador ao tentar afastar o perigo e não na mão como acharam os jogadores e a torcida do Tricolor. Arbitragem mandou o jogo seguir. O Tricolor teve boa chance aos 25 no contra-ataque puxado por Davó. Ao contrário das oportunidades da etapa inicial, dessa vez, ele abriu com Jacaré pela esquerda. No entanto, o atacante resolveu finalizar desequilibrado e de muito longe, mandando a bola bem por cima da meta defendida por Lucas Frigeri. Aos 36 minutos, Rildo levantou a bola na área numa cobrança de falta. Houve desvio e Davó tocou de cabeça para a defesa de Lucas Frigeri. Novorizontino marca O Novorizontino marcou aos 43 minutos do segundo tempo com Diego Torre. Cruzamento da direita de Jhony Douglas e o meia apareceu livre de marcação para tocar de cabeça no cantinho de Danilo Fernandes. Bahia 0x1 Novorizontino A resposta do Tricolor veio na sequência com Ignácio que empatou o jogo aproveitando cruzamento numa cobrança de falta aos 45 minutos. Porém, a arbitragem assinalou um impedimento do zagueiro e anulou o gol. FICHA TÉCNICA Bahia 0x1 Novorizontino Série B – 14ª rodada Local: Arena Fonte Nova, em Salvador Data: 25/06/2022 (sábado) Horário: 16h Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE) Assistentes: Nailton Júnior de Sousa Oliveira e Renan Aguiar da Costa (ambos de CE) VAR: Gilberto Rodrigues Castro Júnior (PE) Cartões amarelos: Rodallega, Douglas Borel (Bahia) / Romário (Novorizontino) Gol: Diego Torres (Novorizontino) Bahia: Danilo Fernandes; Douglas Borel (André), Luiz Otávio, Ignácio e Matheus Bahia (Djalma); Rezende, Mugni (Gregory) e Daniel (Emerson Santos); Jacaré, Davó e Rodallega (Rildo). Técnico: Guto Ferreira. Novorizontino: Lucas Frigeri; Wálber (Willean Lepo), Joílson, Paulinho e Romário (Reverson); Jhony Douglas, Diego Torres e Danielzinho; Douglas Baggio (Bruno Costa), Ronald (Cléo Silva) e Ronaldo (Welliton). Técnico: Rafael Guanaes.Bahia Noticias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.