Atriz nega ser pivô do término de Caio Castro e Grazi Massafera

Larissa Bonesi é estrela de filmes indianos na Netflix.

Rio – Larissa Bonesi, atriz e modelo brasileira que foi apontada como pivô da separação de Caio Castro e Grazi Massafera, negou ter qualquer relação com o término do namoro dos atores em entrevista ao colunista Leo Dias, do “Metropoles”. A atriz de 31 anos, que é estrela de filmes indianos na Netflix, disse que se envolveu com Caio Castro quando tinha 24 ou 25 anos e que o romance durou pouco, mas foi intenso. 

“A gente teve uma época, um tempo muito bom. Ele foi uma pessoa muito especial pra mim. Foi coisa de meses, acho que um, dois meses. Ele foi um amor marcante na minha vida. Hoje, por ele ser meu amigo, vejo ele como uma pessoa muito especial. Foi uma pessoa num momento muito especial da minha vida. Foi um amor muito forte, mesmo que tenha durado pouco tempo”, afirmou. 

Larissa se assustou ao ser apontada como pivô da separação de Caio e Grazi. “Eu não fui o pivô. Eu não tenho nada. Eu estava arrumando a minha mala e vi: ‘pivô da separação. [Pensei] ‘Ele se separou?’. ‘Meu Deus, o que está acontecendo?’. Jamais, nunca na minha vida seria pivô da separação de uma pessoa ou me colocaria numa situação dessa. Na hora que vi, comecei a chorar”, garantiu. A atriz está no Brasil a trabalho e afirmou que não vê Caio Castro há dois anos. Ela também não encontrou Caio quando ele foi para a Índia, país em que ela mora, com Grazi. “Fiquei sabendo só quando vi que ele estava lá. Não sabia. Não tem nada a ver comigo. Por Deus”.

Ela contou que Caio Castro está chateado com ela por conta dos boatos. “Acredito que sim, porque está todo mundo achando que eu fiz isso. Que saiu de mim ou da minha família. Todo mundo acha que fiz isso para aparecer, me promover. Nunca usei de amizades para conquistar nada. Tudo que conquistei foi graças ao meu trabalho e esforço”. O Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *