Aladilce Souza lamenta morte de Luiza Câmera

Vereadora destaca atuação da ativista dos direitos humanos e das pessoas com deficiência.

A vereadora Aladilce Souza (PCdoB) lamentou a morte de Luiza Câmera, ativista dos direitos humanos e das pessoas com deficiência, na quarta-feira (19), em decorrência da Covid-19. 

“Luiza era uma militante do segmento das pessoas com deficiência. Uma guerreira que superou a deficiência física e se colocava altiva na defesa da democracia, das mulheres e dos direitos humanos”, destacou Aladilce Souza, que lembra ter estado ao lado da ativista em atividades dentro e fora da Câmara Municipal de Salvador.

“A última ocasião na qual estivemos juntas foi uma sessão em comemoração aos 15 anos da Associação de Lúpicos Organizados na Bahia, em novembro do ano passado. Foi um momento alegre em que Luiza compartilhou sua sabedoria e garra com a gente. Esse será o seu legado. É uma grande perda para nós”, acrescentou.

Luiza Câmera lançou livros e tem reconhecimento nacional  por suas contribuições na luta pelos direitos das pessoas com deficiência no Brasil. Também fundou o Bloco Me Deixe à Vontade, que leva a bandeira da inclusão no Carnaval de Salvador.

Fonte da notícia: Diretoria de Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *