1 em cada 10 londrinos pode estar infectado pela Covid-19, aponta estudo

Homem de máscara caminha por Londres, no Reino UnidoDan Kitwood/Getty Images

Os dados foram publicados um dia após o Reino Unido registrar um número recorde de novos casos de Covid-19 enquanto a variante Ômicron varre o país.

Cerca de 1 em cada 10 pessoas em Londres provavelmente estava infectada pela Covid-19 no domingo (19), de acordo com novas estimativas oficiais que ressaltam o avanço implacável da variante Ômicron do coronavírus.

Estimativas diárias modeladas produzidas pelo Gabinete para Estatísticas Nacionais do Reino Unido (ONS, na sigla em inglês), mostram que cerca de 9,5% dos londrinos tinham a Covid-19 no último domingo, com um intervalo de confiança de 95%, entre 8,43% e 10,69%.

Os dados foram publicados um dia após o Reino Unido registrar um número recorde de novos casos de Covid-19 enquanto a variante Ômicron varre o país, com uma marca diária chegando a 119.789 casos, a partir de 106.122 casos um dia antes.

O relatório do ONS também mostrou que 1 em cada 35 pessoas na Inglaterra teve Covid-19 entre 13 e 19 de dezembro – em comparação com uma estimativa anterior publicada na quinta-feira de 1 em cada 45 na semana até o dia 16 de dezembro.

Os dados foram publicados um dia após o Reino Unido registrar um número recorde de novos casos de Covid-19 enquanto a variante Ômicron varre o país, com uma marca diária chegando a 119.789 casos, a partir de 106.122 casos um dia antes.

O relatório do ONS também mostrou que 1 em cada 35 pessoas na Inglaterra teve Covid-19 entre 13 e 19 de dezembro – em comparação com uma estimativa anterior publicada na quinta-feira de 1 em cada 45 na semana até o dia 16 de dezembro. CNN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.