Delegada e três investigadores são denunciados por tortura em Salvador

Uma mulher acusa ter sido vítima de agressão física pelos investigadores na presença da delegada

Três investigadores e a delegada titular da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), foram detidos na sede da Polícia Civil, em Salvador, após denúncia de prática de crime de tortura.

De acordo com uma mulher, que não teve a identidade revelada, ela teria sido vítima de agressão física por parte três investigadores, com tapas e socos, enquanto a delegada presenciava tudo, sem conter os agressores.

Os denunciados são a delegada Carla Santos Ramos, e os investigadores Agnaldo Ferreira de Jesus, Carlos Antônio Santos da Cruz e Iraci Santos Leal. Todos foram ouvidos na Corregedoria, que está investigando o caso.

Varela Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *